fbpx

 

 

 

Como uma reforma pode valorizar o seu apartamento.

Um reforma pode valorizar em até 30% o valor do seu imóvel antigo. Impressionante, não? Pois é, mas é preciso saber bem o que realmente faz a diferença na hora de reformar, sem perder tempo com o que ninguém enxerga e focando no que impacta positivamente o futuro comprador do apartamento.

O futuro da engenharia.

A engenharia acompanha a humanidade desde os tempos mais remotos, aprimorando-se com a nossa civilização ao longo dos milênios. Evolução que continua nos dias de hoje, progredindo cada vez mais rápido e com realizações cada vez mais complexas, o que nos leva a seguinte pergunta: qual o futuro da engenharia?

O conceito de coliving.

O coliving é uma tendência urbana baseada em colaboração onde os espaços de moradia são compartilhados com diferentes pessoas que coabitam.

Como serão as cidades na próxima década.

Já parou para imaginar como serão as cidades na próxima década? Talvez subestimamos como 10 anos de história pode mudar o mundo, mas se você voltasse para 2010 por um instante veria que a sua vida mudou bastante, lembrando que naquela época não havia Netflix, uber e tantas outras revoluções que são intrínsecas ao nosso cotidiano.

A construção civil e as áreas de preservação permanente (APP).

A maioria das pessoas quando pensam nas APPs, áreas de preservação permanente, imaginam logo um grande espaço verde perdido em um local distante, talvez junto a um parque ou no meio da natureza. Mas não é bem assim, porque existem diversas APPs  dentro das nossas cidades também.

Como funcionam os prédios inteligentes.

Os prédios inteligentes são um conceito muito claro de construção e com propósitos bem específicos. Enquanto muitos pensam que isso é apenas um rótulo de marketing para diferenciar alguns empreendimentos, a verdade é que um intelligent building (prédio inteligente) é tão diferente de um edifício normal quanto um smartphone de um celular comum.

A revolução da energia solar no Japão.

Devido a um grande terremoto seguido de uma tsunami em 2011, ocorreu um acidente na usina nuclear Fukushima Daiichi, o que levou ao desligamento de 54 usinas de geração de energia nuclear no Japão. O episódio abriu espaço para outras fontes energéticas mais seguras garantissem o fornecimento de eletricidade para o país.