fbpx

Viajar demanda certos cuidados com a escolha da acomodação, seja uma viagem de trabalho ou a lazer. Isso porque o lugar escolhido deve atender às necessidades de sua rotina como o cenário ideal para o seu propósito. Superado esse requisito, passamos a buscar o melhor custo-benefício. E é aí que começamos a nos questionar: hospedar em hotel ou Airbnb?

 

Pesquisando com paciência, você encontrará em ambas as modalidade alternativas bem em conta e opções bastante salgadas para o seu orçamento. É preciso paciência ao procurar. No entanto, principalmente em datas concorridas de grandes eventos, festas, feriados e na alta estação, quando a rede hoteleira tem boa parte dos quartos reservados, o Airbnb acaba se tornando mais atrativo.

 

Abaixo, vamos ponderar algumas vantagens e desvantagens de se hospedar nos dois modelos para que você possa refletir melhor sobre o que pode ser mais vantajoso para você.

 

 

Hotel: será que vou me frustar?

Hospedar

Os hotéis têm a vantagem da segurança, limpeza e conveniência.

 

Hotéis seguem um padrão muito parecido na maioria das vezes, variando a decoração, alguns mimos no quarto e a infraestrutura de lazer. Exceto quando você opta por hotéis de luxo ou resorts, é bem provável que não haja nenhuma supresa em relação ao que você encontrará ao desembarcar para a sua hospedagem.

 

Outra vantagem dos hotéis é a segurança, a limpeza e a conveniência. Além de se estar em um local monitorado e de acesso restrito, geralmente você conta com serviço de quarto, camareira, lazer e ás vezes até concierge. Isso sem contar que ninguém irá cancelar a sua estadia de véspera!

 

Por outro lado, apesar da grande renovação do setor hoteleiro nesta última década por conta de Copa do Mundo e das Olimpíadas, com novos empreendimentos e muitas reformas, ainda encontramos em diversas cidades brasileiras hotéis que pecam pela manutenção ou que tenham se estagnado no tempo ofertando acomodações e serviços aquém do valor da diária ou do nome que carrega.

 

Ou seja, ao optar por um hotel, há o risco de você se frustrar ao ter azar de cair em um endereço ultrapassado ou sucateado. Só que isso será a excessão, provavelmente, sendo mais certo que acabe encontrando o “mais do mesmo” que você já esperava.

 

 

Airbnb: será que vou me surpreender?

 

O Airbnb permite que reservemos além de apartamentos, casas, trailers, barcos etc, por um dia ou por longos períodos. Uma variedade de opções que atiçam a imaginação, despontando como uma opção diferenciada para quem aposta na experiência acima de tudo.

 

Nesta modalidade, o hóspede acaba imerso na realidade do lugar, hospedado em um imóvel construído e decorado para o cotidiano. O que significa contar com uma cozinha, vantagem que permite economizar com comida, cozinhando por conta própria em um espaço adequado.

 

Há ainda outras vantagens interessantes como a de conhecer pessoas novas quando você aluga um quarto na casa de alguém. Se você é do tipo empático, pode ser uma grande experiência. Também é possível variar mais na formatação de espaço, encontrando alternativas mais diversificadas que os padrões hoteleiros.

 

A desvantagem é que, diferente de um quarto de hotel, muitas vezes você não sabe bem o que vai encontrar ao chegar no destino. E por ficar com o pé atrás, na maioria das vezes as pessoas se surpreendem com as acomodações, extrapolando as expectativas de quem se acostumou com o estilo engessado da hospedagem em hotel.

 

Hospedar

Com o Airbnb você customiza melhor as suas necessidades como se acordasse em casa.

 

 

 

Veredito: escolha a modalidade que combina melhor com você.

 

A verdade é que cada pessoa tem suas próprias necessidades, preferências e restrições quando o assunto é escolher a acomodação mais adequada. E nessa época de mudanças, fazer um julgamento final de qual modalidade é mais vantajosa seria precipitado.

 

O mais importante é seguir sua personalidade. Se prefere não arriscar, resolvendo-se sempre bem em um quarto de hotel, não há motivo para sair do seu lugar seguro, principalmente se isso é algo que gere transtorno e estresse.

 

Agora, se o seu perfil é de “quem paga pra ver” e prefere apostar na diversidade do Airbnb, é provável que acabe encontrando um custo-benefício mais interessante em boa parte dos casos, além de poder se surpreender com ambientes mais aconchegantes e íntimos que replicam a comodidade da sua casa, estando sempre aberto para novas experiências.

 

 

Outros artigos que possam interessar:

 

Vai deixar o apê para viajar? Deixe-o em segurança.

 

Imóvel na praia é pra mim?

 

Como cuidar do imóvel na praia.

 

Imagens: FrePik